Pix: Banco Central organiza combate a contas laranjas para reforçar segurança da ferramenta

N 48922 B0ac397a2e2a3563790d2a5e3777b071 - Contabilidade na Zona Sul - SP | Aspecto Contabilidade

Compartilhe nas redes!

De acordo com o presidente do BC, há esforços intensificados para identificar esses tipos de conta e proporcionar mais segurança ao Pix.

Nesta segunda-feira (4), o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, comunicou que está havendo um esforço para combater contas laranjas, que são contas criminosas abertas em nome de outras pessoas.

De acordo com o Campos Neto, a medida é para aumentar a segurança do Pix, ferramenta de pagamento instantâneo do BC.

“A gente está forçando, incentivando, a identificação desse tipo de contas e o cancelamento mais rapidamente”, disse durante palestra na Associação Comercial de São Paulo.

O presidente do BC pontuou que, no caso de fraude ou até sequestro, os criminosos precisam de uma conta bancária sem os próprios dados pessoais para movimentar recursos. Por isso a importância em identificar e fechar essas contas.

“A gente precisa atacar esse movimento de conta laranja. Precisa que os bancos se sintam muito responsáveis quando alguma conta laranja no sistema deles é usada para algum ato ilícito”, acrescentou.

Sem essa possibilidade de receber o dinheiro, Campos acredita que os criminosos devem desistir de praticar esse tipo de ilegalidade pelo Pix.

“No final das contas, se eu não tenho como pegar o dinheiro em espécie em nenhum momento eu tenho uma diminuição da criminalidade relacionado a isso”, destacou.

Novas regras do Pix entram em vigor

Também nesta segunda-feira (4), entrou em vigor as novas regras do Pix que limitam em R$ 1 mil as transferências e pagamentos de pessoas físicas entre as 20h e as 6h. As contas de pessoas jurídicas não foram afetadas pela nova regra.

A restrição vale tanto para transações via Pix, sistema de pagamento instantâneo, quanto para outros meios de pagamento, como transferências intrabancárias, via Transferência Eletrônica Disponível (TED) e Documento de Ordem de Crédito (DOC), pagamentos de boletos e compras com cartões de débitos.

O cliente poderá alterar os limites das transações por meio dos canais de atendimento eletrônico das instituições financeiras. No entanto, os aumentos serão efetivados de 24 horas a 48 horas após o pedido.

Fonte: https://www.contabeis.com.br/noticias/48922/pix-banco-central-organiza-combate-a-contas-laranjas-para-reforcar-seguranca-da-ferramenta/

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

Holdings 3 Erros Que Nao Se Deve Cometer - Contabilidade na Zona Sul - SP | Aspecto Contabilidade

Confira os 3 erros nas holdings que fazem você parecer um iniciante

Neste artigo, o especialista mostra quais erros podem destruir os benefícios da holding. Existe uma estratégia que traz proteção patrimonial a bens particulares, além de vantagens tributárias, que se chama holding, mas podem ocorrer erros que retiram todos esses benefícios. Com a

Dicas De Contabilidade Para Pequenas Empresas - Contabilidade na Zona Sul - SP | Aspecto Contabilidade

Dicas de contabilidade para pequenas empresas

De acordo com pesquisa recente do Ministério da Economia, micro e pequenas empresas (MPEs) representam cerca de 99% do total de CNPJs brasileiros. Diante desse dado, é possível afirmar que a economia do Brasil depende das atividades de negócios menores.

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
A nova proposta funde o imposto estadual ICMS e municipal…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top