O que é o Cadastro de Contribuintes Mobiliários?

O Que é Cadastro De Contribuintes Mobiliários - Contabilidade na Zona Sul - SP | Aspecto Contabilidade

Compartilhe nas redes!

Abrir uma empresa é uma iniciativa que requer uma série de etapas, muitas delas extremamente burocráticas. Embora seja necessário paciência e pesquisa, é algo que pode ser feito por qualquer pessoa que esteja empenhada. Uma das fases desse processo é o Cadastro de Contribuintes Mobiliários (CCM).

Também chamado de Inscrição Municipal ou Cadastro Econômico, ele é obrigatório para qualquer pessoa que vá abrir um negócio.

Embora para muitos o nome “Cadastro de Contribuintes Mobiliários” não seja familiar, todos já ouviram falar sobre o famoso alvará de funcionamento. É importante mencionar o nome pelo qual esse processo é mais coloquialmente conhecido para que você tenha uma ideia melhor do que ele é.

Criamos um especial aqui na Aspecto Contabilidade para orientar pequenos empreendedores sobre as fases de formalização de um negócio. Já explicamos aqui o que é a consulta de viabilidade, as vantagens de ser MEI, os tipos de sociedade que existem e até se pode ou não ter duas empresas em um mesmo CPF. Agora, nosso foco é falar sobre o CCM, qual a sua função, como ele pode ser feito.

Descubra o que é o Cadastro de Contribuintes Mobiliários

De maneira resumida, o CCM é, como o nome sugere, um cadastro na Secretaria da Fazenda de cada município. É lá que estão registrados os principais dados de todos os contribuintes de tributos mobiliários de uma cidade.

“Contribuintes mobiliários”, nesse contexto, se refere a toda Pessoa Jurídica (ou seja, empresas) e toda Pessoa Física que trabalhe de maneira autônoma, sem nenhuma ligação empregatícia formal com alguma organização.

Para entender melhor o que é o Cadastro de Contribuintes Mobiliários, saiba que, enquanto tributos imobiliários são aqueles relacionados com a propriedade de imóveis (como o IPTU e o ITBI), os mobiliários englobam todo o restante, sendo que o ISS (Imposto sobre Prestação de Serviço) é o principal deles.

Qual a importância do Cadastro de Contribuintes Mobiliários?

O CCM é importante para o município por fornecer dados e informações sobre as Pessoas Jurídicas que exercem atividades econômicas na região. Isso permite um melhor controle da tributação e de como exercer com mais eficácia políticas públicas.

Ao ler aqui sobre o que é o Cadastro de Contribuintes Mobiliários, perceba que esta é uma fase obrigatória e que garante a legalidade e segurança do negócio. Trabalhar sem esse documento pode acarretar problemas legais bastante sérios.

Além disso, o CCM é necessário para, entre outras coisas: emissão de nota fiscal, enquadramento no Simples Nacional e solicitação de documentos dos órgãos competentes, como a vigilância sanitária e os bombeiros. Ou seja, sem ele, sua empresa não terá um alvará de funcionamento.

Como fazer o Cadastro de Contribuintes Mobiliários?

Como já falamos, o CCM é uma parte obrigatória do processo de empreender. Ele deve ser realizado depois de você já ter registrado a empresa na Junta Comercial e ter os documentos necessários. Nesta etapa, seu negócio pedirá permissão para funcionar.

Para fazer o seu Cadastro de Contribuinte Mobiliário, você deverá fornecer o nome da Pessoa Física (caso seja um profissional autônomo) ou Razão Social (no caso de empresas), endereço, CPF ou CNPJ, atividade que será exercida e o código CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas).

Depois de feito o CCM, você receberá um número de identificação municipal, o quão será útil para tudo o que for fazer envolvendo a empresa daqui em diante. Este documento deverá estar exposto de maneira visível no local do seu negócio.

Até aqui ficou fácil entender o que é Cadastro de Contribuintes Mobiliários, não é? Então vamos especificar os diversos tipos que existem.

Quais são os tipos de alvarás de funcionamento?

Agora que você conhece as informações básicas sobre o CCM, saiba que há quatro tipos: Auto de Licença de Funcionamento (ALF), Auto de Licença de Funcionamento Condicionado (ALF-C), Alvará de Funcionamento de Local de Reunião e Alvará de Autorização para Eventos Públicos e Temporários.

Vamos explicá-los melhor!

Auto de Licença de Funcionamento

O Auto de Licença de Funcionamento existe para imóveis não-residenciais, onde serão instaladas indústrias ou realizadas atividades comerciais.

Já o Auto de Licença de Funcionamento Condicionado é semelhante, mas obrigatório apenas para imóveis maiores (entre 1500 m² a 5000 m²).

Alvarás de Funcionamento

O Alvará de Funcionamento de Local de Reunião e o de Autorização para Eventos Públicos e Temporários são aqueles que lidam com a aglomeração de pessoas, sendo a principal diferença entre eles a capacidade.

O primeiro existe para locais como bares, restaurantes, lanchonetes, cinemas e similares, desde que tenham capacidade igual ou inferior a 250 pessoas.

O segundo serve para um público maior (ou seja, mais de 250 pessoas) e, como o nome sugere, eventos temporários, independentemente da atividade ser realizada em uma propriedade pública ou privada.

É importante entender essas diferenças ao estudar sobre o que é o Cadastro de Contribuintes Mobiliários.

Outras informações sobre o Cadastro de Contribuintes Mobiliários

Embora tenhamos falado até aqui do CCM nos casos de novos negócios, ele continua sendo importante mesmo para empresas já formadas. Isso porque quaisquer alterações realizadas (como o encerramento das atividades) devem ser informadas aos órgãos locais. O prazo para fazer as atualizações costuma ser de 90 dias.

Obter o CCM não é uma tarefa difícil e, geralmente, pode ser feita de maneira online, por meio dos sites adequados de cada município.

Uma segunda opção, também, é realizá-lo presencialmente, junto à prefeitura ou ainda contar com os serviços de uma contabilidade em São Paulo ou outras cidades. Ela vai facilitar todo o processo para você.

Caso tenha ainda alguma dúvida ou precise de auxílio contábil para fazer o seu cadastro, entre em contato conosco!

Acima nós explicamos o que é o Cadastro de Contribuintes Mobiliários, sua importância e como consegui-lo. Nesta sua jornada para empreender, queremos que você leia também:

Como organizar as finanças da sua empresa?

Como criar uma logomarca?

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Posts Relacionados

O Que é Escrituração Contábil Fiscal - Contabilidade na Zona Sul - SP | Aspecto Contabilidade

O que é Escrituração Contábil Fiscal (ECF) e para que serve?

Documento é obrigatório para todas as empresas, sejam isentas ou tributadas Até 2014, era obrigatório o envio da Declaração de Informações Econômico-Fiscais da Pessoa Jurídica (DIPJ) pelas empresas brasileiras. Este documento foi substituído pela Escrituração Contábil Fiscal, conhecida pela sigla

Qual A Importância Da Medicina Do Trabalho - Contabilidade na Zona Sul - SP | Aspecto Contabilidade

Qual é a importância da medicina do trabalho?

Mesmo com tantos avanços, é fato que boa parte das organizações ainda não entendem qual é a importância da medicina do trabalho. Então é por isso que vamos abordar esse tema. É fato que as empresas precisam se preocupar com

Flutuação De Preços E Estoques - Contabilidade na Zona Sul - SP | Aspecto Contabilidade

Flutuação de preços e estoques

Um dos principais desafios das empresas atuais é a flutuação de preços. Nesse momento existem duas variáveis difíceis de serem previstas: possuir um estoque maior e com isso ganhar descontos por compras grandes e um melhor preço, ou possuir um

Como Calcular O Preço De Venda De Um Produto Ou Serviço - Contabilidade na Zona Sul - SP | Aspecto Contabilidade

Como calcular o preço de venda de um produto ou serviço?

Provavelmente, todo mundo que já pensou em abrir um negócio deve ter pesquisado sobre como calcular o preço de venda de um produto ou serviço. Afinal, essa é uma parte de extrema importância para qualquer empreendimento, já que será responsável

Como Funciona A Previdência Privada Empresarial - Contabilidade na Zona Sul - SP | Aspecto Contabilidade

Como funciona a previdência privada empresarial?

Com as mudanças realizadas na aposentadoria pública há algum tempo, as pessoas começaram a repensar o seu futuro. Com isso, o questionamento sobre como funciona a previdência privada empresarial aumentou. Como consequência, as empresas passaram a investir mais nessa modalidade.

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
Quando empresários de primeira viagem decidem pesquisar quais são os…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top